Brasil pode perder dinheiro por não combater terrorismo, aponta especialista

POLÍTICA BRASIL

O futuro ministro da Justiça e da Segurança Pública Sergio Moro.

O Congresso Nacional tem até o fim deste ano para alinhar a legislação brasileira com o combate ao terrorismo e à lavagem de dinheiro da Organização das Nações Unidas (ONU). Caso contrário, o país pode ser o primeiro a ser suspenso do Grupo de Ação Financeira Internacional (GAFI).

O PL 10.431/2018 está em tramitação desde junho, mas ganhou carimbo de urgência há dez dias. O projeto tem sofrido pressões do futuro ministro da Justiça Sérgio Moro, do presidente do Banco Central, Ilan Goldfajn, e de seu sucessor no cargo, Roberto Campos Neto.

Deixe uma resposta