Depoimento de Fabrício Queiroz remarcado para sexta-feira

CORRUPÇÃO

Fabrício Queiroz não compareceu nesta quarta-feira (19) ao Ministério Público (MP) do Rio, onde prestaria depoimento.

A defesa de Fabrício José Carlos de Queiroz, ex-assessor do deputado Flávio Bolsonaro, alegou falta de tempo para analisar os autos de investigação e uma crise de saúde do cliente.

O nome dele consta no relatório do Conselho de Controle de Atividades Financeira (Coaf), onde teria movimentado R$ 1,2 milhão em uma conta bancária.

Deixe uma resposta