Petrobras demite funcionários com prisão decretada na Lava Jato

LAVA JATO

Operação foi deflagrada nesta quarta-feira (5)

A Petrobras divulgou na noite de quarta-feira (5) que demitiu por justa causa os funcionários “contra quem existem fortes evidências de envolvimento em irregularidades apuradas no âmbito da 57ª Fase da Operação Lava Jato”. Batizada de Sem Limites, a etapa da operação deflagrada ontem contava com dois mandados de prisão contra funcionários que continuavam atuando na companhia.

Deixe uma resposta